Topo
Tales Faria

Tales Faria

Governo calcula reforma da Previdência promulgada até 15 de setembro

Tales Faria

10/07/2019 21h42

O ministro-chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni, conversou com o blog nesta quarta-feira (10), logo após a aprovação, em primeiro turno, do texto-base da reforma da Previdência pela Câmara.

Ainda no plenário, Onyx disse que o governo espera que a reforma comece a tramitar no Senado já na semana que vem e esteja em condições de ser definitivamente promulgada "entre 5 e 15 de setembro".

Onyx disse que foi surpreendido pelo resultado de 379 votos a favor da reforma. Pelos cálculos do governo minutos antes da votação, a expecativa era de no máximo 360 votos. Ele admite que muitos deputados dos partidos de oposição acabaram votando com o governo.

A expectativa do governo é de que o Senado promova modificações, acrescentando estados e municípios à referoma, mas em uma proposta de emenda constitucional (PEC) paralela, o que permitirá a promulgação imediata da parte do texto que não for alterada.

O ministro, que agora vai coordenar as Parcerias Publicas de Investimentos (PPIs) enumerou as prioridades do governo após a aprovação definitiva da reforma:

  • adoção do maior programa de privatizações e concessões de órgãos e atividades públicas do mundo;
  • consolidação do centro de governo para acompanhar programas e projetos governamentais no padrão da OCDE (Organização pra Cooperação e Desenvolvimento Econômico);
  • aprovação da reforma tributária ainda no segundo semestre;
  • aprovação de um novo pacto federativo capaz de estabilizar contas de estados, municípios e União.

 

 

 

** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do UOL

Sobre o autor

Tales Faria largou o curso de física para se formar em jornalismo pela UFRJ em 1983. Foi vice-presidente, publisher, editor, colunista e repórter de alguns dos mais importantes veículos de comunicação do país. Desde 1991 cobre os bastidores do poder em Brasília. É coautor do livro vencedor do Prêmio Jabuti 1993 na categoria Reportagem, “Todos os Sócios do Presidente”, sobre o processo de impeachment de Fernando Collor de Mello. Participou, na Folha de S.Paulo, da equipe que em 1986 revelou o Buraco de Serra do Cachimbo, planejado pela ditadura militar para testes nucleares.

Sobre o blog

Os bastidores da política pela ótica de quem interessa: o cidadão que paga impostos e não quer ser manipulado pelos poderosos. Investigações e análises com fatos concretos, independência e sem preconceitos.